Exame de Fator Reumatóide (FR)

PARA QUE SERVE O EXAME DE FATOR REUMATÓIDE?

O Fator reumatóide (FR) é um auto-anticorpo, que pode ser produzido por algumas doenças autoimunes. Esses auto-anticorpos atacam os próprios tecidos saudáveis do corpo, por engano, o reconhecendo como se fosse algo estranho. O exame Fator reumatóide serve para detectar a presença do FR no sangue, para ajudar a diagnosticar doenças autoimunes, principalmente a Artrite reumatóide. 

QUAL O PREÇO E O PRAZO PARA A ENTREGA DOS RESULTADOS DO  EXAME DE FATOR REUMATÓIDE?

Os valores podem variar de um laboratório para o outro e a localidade, mas custam em média a partir de R$ 10,00 reais. O prazo para a entrega dos resultados também varia, mas normalmente são entregues a partir de 2 dias úteis.

COMO É FEITO O EXAME FATOR REUMATÓIDE?

A amostra é obtida de uma maneira simples e rápida, sendo necessário realizar uma coleta de sangue de uma veia do braço do paciente. Em seguida a amostra será enviada para análise. 

É PRECISO ESTAR EM JEJUM PARA FAZER O EXAME DE FATOR REUMATÓIDE?

Não é preciso estar em jejum para fazer o exame de Fator reumatóide.

É PRECISO ALGUM PREPARO PARA FAZER O EXAME EXAME DE FATOR REUMATÓIDE?

Não é preciso nenhum preparo para fazer o exame de Fator Reumatóide.

QUANDO É FEITO O EXAME DE FATOR REUMATÓIDE?

O exame de Fator reumatóide é feio principalmente para auxiliar a diagnosticar a artrite reumatóide (RA), em indivíduos que apresentam sinais e sintomas desta doença, como dor nas articulações e fadiga. Entretanto, o FR não é específico para a artrite reumatóide, podendo ser feito para detectar outras doenças reumáticas autoimunes, como a síndrome de Sjögren, lúpus eritematoso sistêmico, esclerose sistêmica, polimiosite, por exemplo.

COMO ENTENDER OS RESULTADOS DO EXAME DE FATOR REUMATÓIDE?

Os valores de referência para o Fator Reumatóide são:

– Não reagente negativo: inferior a 20 UI/mL;

– Fracamente reagente (fracamente positivo): 21 a 79 UI/mL;

– Reagente (positivo): superior ou igual a 80 UI/mL.

Nos casos de artrite reumatóide, resultados igual ou maior que 80 UI/mL, em conjunto com sinais e sintomas da doença, indicam possivelmente a artrite reumatóide. Níveis muito elevados são sinais de que há maior gravidade da doença. De qualquer modo, os valores de FR não são reconhecidos como úteis para definir se a doença está em atividade ou não. Algumas pessoas com artrite reumatóide podem não apresentar o fator reumatóide positivo, sendo necessário outro exame para confirmar a doença, como o teste de Anticorpo do Peptídeo Citrulinado Cíclico (CCP). Além disso, níveis muito elevados podem ser observados na síndrome de Sjögren. Por isso, vale lembrar que resultados positivos também podem ser observados em outras doenças autoimunes. Portanto, o exame de Fator Reumatóide deve ser interpretado em conjunto com os sintomas e a história clínica do paciente, além de exames complementares se for necessário, por um médico especialista, para diagnosticar  corretamente a doença que está ocorrendo.