Exame de PCR Qualitativo para Toxoplasmose

PARA QUE SERVE O EXAME DE PCR QUALITATIVO PARA TOXOPLASMOSE?

O exame de PCR para toxoplasmose, serve para detectar o material genético (DNA) do parasita Toxoplasma gondii em diversos líquidos no corpo, como sangue e líquido amniótico, por exemplo. Sendo feito principalmente em gestantes, pessoas com acometimento ocular e aqueles com imunidade comprometida, para confirmar o diagnóstico de infecção aguda (ativa) pela toxoplasmose, principalmente quando o resultado do exame sorológico é duvidoso, principalmente quando o resultado do exame sorológico é duvidoso, pois esse exame possui limitações que dificultam e/ou atrasam o diagnóstico precoce da toxoplasmose, essencial para o início do tratamento e consequente melhora da doença. 

QUAL O PREÇO E O PRAZO PARA A ENTREGA DOS RESULTADOS DO EXAME DE PCR PARA QUALITATIVO TOXOPLASMOSE?

Os valores e o tempo em que ficam prontos os resultados, variam muito de um laboratório para o outro, sendo assim, é importante buscar essa informação no laboratório em que será feito o exame.

COMO É FEITO O EXAME DE PCR QUALITATIVO PARA TOXOPLASMOSE?

A amostra que será analisada para se ter os resultados, pode ser feita através de diferentes líquidos no corpo, como sangue, líquido amniótico (no caso de grávidas), sangue de cordão umbilical e líquor (líquido cefalorraquidiano), por exemplo. O tipo da amostra dependerá da recomendação do médico.

É PRECISO ESTAR EM JEJUM PARA FAZER O EXAME DE PCR QUALITATIVO PARA TOXOPLASMOSE?

Não é necessário estar em jejum para fazer o exame de PCR para toxoplasmose, independente do tipo da amostra que será analisada.

QUANDO É FEITO O EXAME DE PCR QUALITATIVO PARA TOXOPLASMOSE?

O exame de PCR para toxoplasmose é feito principalmente em gestantes, pessoas imunocomprometidas e com acometimento ocular, pois a infecção por esse parasito gera problemas sérios à saúde, em pessoas saudáveis a doença às vezes passa despercebida. Em imunocomprometidos, a toxoplasmose pode gerar graves problemas à saúde, como problemas no sistema nervoso, coração e pulmão, em gestantes, a toxoplasmose pode ser passada para o bebê, causando problemas cerebrais e oculares. Sendo assim, o exame de PCR é feito para diagnosticar a toxoplasmose nessas pessoas, em casos em que é necessária a identificação da doença, principalmente quando o resultado do exame sorológico é duvidoso.

COMO É O RESULTADO DO EXAME DE PCR QUALITATIVO PARA TOXOPLASMOSE?

O resultado indicará se o material genético (DNA) do parasito Toxoplasma gondii, causador da toxoplasmose, foi detectado na amostra em que foi feito o exame.

Não detectado: Significa que não foi encontrado o material genético do toxoplasma gondii na amostra e possivelmente não há sinal de uma doença ativa, porém um resultado negativo não exclui a possibilidade de infecção e o exame pode ser repetido caso ainda haja suspeita.

Detectado: Foi encontrado o material genético do toxoplasma gondii sendo uma possível infecção.

COMO A TOXOPLASMOSE É TRANSMITIDA?

A toxoplasmose é transmitida quando se come carne mal passada ou crua (especialmente de porco e de cordeiro), beber água contaminada e alimentos mal lavados que estejam com o parasita e pelo contato de fezes de gato.