Urina de 24 horas

EXAME DE URINA DE 24 HORAS

Esse exame é capaz de analisar detalhadamente o funcionamento dos rins, é possível definir a taxa de filtração do sangue pelos rins, chamada de taxa de filtração glomerular.

Diferentemente do exame de urina convencional, o EAS (urina tipo I), colher urina durante 24 horas determina, com exatidão, a presença e a quantidade de proteínas. Outras substâncias, como sódio, potássio, cálcio, fósforo, amônia, uréia, ácido úrico, magnésio e fosfato, também podem ser indicados. Esse exame de urina ajuda o médico a identificar problemas, como insuficiência renal, e apontar as causas dos cálculos renais. Durante a gravidez, o teste aponta o diagnóstico de pré-eclâmpsia, quando confirmada a presença de proteínas na urina.

Entenda o que o resultado de cada uma das taxas significa:

 – Taxa de filtração glomerular

O exame Clearance de creatinina é feito através da urina de 24 horas e uma amostra de sangue e mede quantos mililitros de sangue os rins filtram por minuto. Considerar este número é fundamental para avaliar o funcionamento dos rins. Valores de referência: Clearance de creatinina: entre 80 e 120 ml/min.

 – Presença de proteína

 A proteinúria (presença de proteínas na urina) só ocorre quando os rins estão doentes. A realização do exame de urina 24 horas permite tanto apontar a presença das proteínas totais quanto dosar a albumina na urina (albuminúria). 

Valores de referência:

Proteinúria: menor que 150 mg em 24 horas.

Albuminúria: menor que 30 mg em 24 horas.

Formação de cálculos renais

 As presenças e a quantidade de cálcio, ácido úrico, citrato e oxalato na urina são investigados no caso da formação de cálculos renais. O excesso dessas substâncias explica o desenvolvimento de pedras nos rins. 

Valores de referência: 

Cálcio urinário: 100,0 a 300,0 mg/24h, sem dieta, e  de 60 a 180 mg/24h, com dieta. 

Ácido úrico urinário: menor que 800mg/24h. 

Citrato urinário: 300 a 900mg/24h.

Oxalato:Homens: 7,0 a 44,0mg/24h.

Mulheres: 4,0 a 31,0mg/24h.

Crianças: 13,0 a 38,0mg/24h.

Sódio

 A análise da quantidade de sódio que é eliminada na urina é importante em casos de pacientes com cirrose, hipertensão e em casos de edema.

Valores de referência:

Sódio urinário: 40 a 220mEq/24h. Nos pacientes que fazem restrição de sódio na dieta, o ideal é manter o sódio urinário abaixo de 100mEq/24h.

 – Potássio

A presença de potássio determina alguns tipos de doenças dos tubos renais.

Valores de referência:

Potássio urinário: 25,0 a 125,0mEq/24h.

PROCEDIMENTO PARA A COLETA DE URINA DE 24 HORAS

Normalmente não há necessidade de preparo para colher a urina de 24 horas, não é preciso estar em jejum, mas é importante que a coleta seja feita dentro das condições mais habituais possíveis com relação à dieta e a atividade física.

-Primeiro dia: ao acordar (por exemplo, 7 horas da manhã), urine, procurando esvaziar ao máximo a bexiga; elimine todo volume dessa amostra e inicie a coleta de todo o volume de todas as urinas das próximas 24 horas;

 – segundo dia: também, exatamente na mesma hora do dia anterior em que começou a coleta (por exemplo, às 7 horas da manhã), urine, esforçando-se para esvaziar totalmente a bexiga. Acrescente todo o volume desta micção a urina coletada anteriormente; 

– Durante todo o período de coleta, mantenha sua dieta e atividades físicas habituais; 

– Caso faça uso regular de alguma medicação, mantenha o esquema, não interrompendo ou alterando o uso de nenhum medicamento sem ordem de seu médico. Se for necessário o uso excepcional de algum medicamento durante o período de coleta de urina, informe ao laboratório;

– Encaminhe todo o volume de urina coletado ao laboratório imediatamente após o período de coleta. 

– Entregue as coletas de urina, o recipiente deve estar em um local fresco, de preferência refrigerado.

– Se houver alguma perda de urina ou algum material que não for colhido, pare e inicie o exame novamente no dia seguinte. Até mesmo um erro mínimo compromete a eficácia do resultado.

QUAL O VALOR E O TEMPO DE ENTREGA DESTE EXAME?

Esses quesitos irão depender do laboratório que irá ser realizado o exame, pois podem variar.

Além de todo esse procedimento tem alguns detalhes que geram dúvidas, como:

– Pode urinar no banho e descartar essa urina? NÃO

Antes de tomar banho é preciso fazer a coleta da urina, em todos os momentos que der vontade de urinar, é dentro do recipiente que você irá desprezar a urina.

– Preciso saber de casa e se me der vontade de ir ao banheiro?

Leve com você o recipiente para onde for, é ruim, mas é preciso.

– Outro detalhe, na maioria das vezes quando evacuamos sempre dá aquela vontade de urinar, não faça no vaso sanitário, se der vontade, despreze a urina no recipiente.

– O consumo de água interfere nos exames de urina em geral?

Beber água moderadamente não interfere, porém não pode fazer a ingestão demasiada porque altera alguns resultados.