Exame de urina (EAS)

PARA QUE SERVE O EXAME DE URINA (EAS)?

O exame de urina, também conhecido como exame de urina tipo 1 ou exame EAS (Elementos Anormais do Sedimento), serve para analisar os aspectos físicos, químicos e a presença de elementos que normalmente não fazem parte da urina, com o objetivo de identificar infecções no sistema urinário, problemas nos rins, diabetes e até gravidez.

QUAL O PREÇO E O PRAZO PARA A ENTREGA DOS RESULTADOS DO EXAME DE URINA (EAS)? 

Os valores podem variar de um laboratório para o outro e a localidade, mas custam em média a partir de R$ 10,00 reais. O prazo para a entrega dos resultados também varia, mas normalmente são entregues a partir de 1 dia útil.

É PRECISO ESTAR EM JEJUM PARA FAZER O EXAME DE URINA (EAS)? 

Não é necessário estar em jejum para fazer o exame de urina (EAS).

QUANDO DEVE SER FEITO O EXAME DE URINA (EAS)?

O exame de urina (EAS), é solicitado pelo médico quando o paciente apresenta sintomas de problemas nos rins, como diminuição da quantidade de urina, ardência ao urinar, aumento do número de vezes que urina, presença de urina escurecida, sangue na urina, urina espumosa, dor abdominal e dor nas costas. Além disso, o exame de urina pode ser feito como um exame de rotina, antes de uma internação, de uma cirurgia ou durante a gravidez. Pessoas com diabetes e pressão alta também devem realizar esse exame, pois possuem maior risco de ter doença dos rins.

HÁ ALGUMA RECOMENDAÇÃO PARA FAZER O EXAME DE URINA (EAS)?

– Não fazer uso de contraste radiológico 48 horas antes do exame;

– A coleta de urina não deve ser realizada imediatamente após a prática de exercício físico intenso, incluindo o teste ergométrico, pois essa situação pode produzir alterações no resultado da análise;

– Pode beber água habitualmente.

COMO O COLHER A URINA PARA O EXAME DE URINA (EAS)?

A coleta da urina pode ser feita em casa ou no laboratório e é muito importante ser bem orientado para que seja feita corretamente, garantindo que o resultado seja seguro evitando contaminações da amostra. Apesar de a urina ser estéril, ela pode ser facilmente contaminada no momento da coleta com os microorganismos que fazem parte dos órgãos urogenitais. Segue abaixo uma listinha de recomendações para crianças e adultos:

Crianças

Não há um horário específico para a coleta e nem é necessário esvaziar a bexiga totalmente.

Quando a criança ainda utiliza fralda o recomendado é que o responsável leve-a até o laboratório para que um profissional capacitado faça a assepsia do local, ou seja, fazer a higiene do mesmo e colocar o coletor infantil, se não for possível levá-la ao laboratório, o responsável será orientado para que faça o processo corretamente em casa.

O tempo permitido para que seja colhida a urina é de 40 minutos ou no máximo 1 hora, se isso não acontecer é preciso que faça a assepsia no local novamente e coloque um novo coletor, assim sucessivamente. Quando a amostra for colhida é necessário levar imediatamente para o laboratório, se não for possível levar imediatamente, mantenha a urina em geladeira por no máximo 30 minutos e leve o mais rápido possível ao laboratório.

Para crianças que não utilizam fralda também é necessário que faça a higiene do local e em seguida a mesma deverá urinar no coletor convencional com tampa rosqueável, comprado em farmácias ou o próprio laboratório fornece. É recomendado entregar a amostra ao laboratório imediatamente, caso não possa fazê-lo, mantenha a urina na geladeira por no máximo 30 minutos e entregar imediatamente ao laboratório.

Adultos

Dependendo do objetivo do exame, o médico pode solicitar que seja colhido o primeiro jato de urina ou a urina do jato médio.

Urina 1º jato/ 2º jato

– É recomendado colher a primeira urina da manhã ou com intervalo de 2 horas entre as micções;

– Antes de colher é preciso fazer a higiene nos órgãos genitais, com água e sabão neutro, não usar antisséptico e secar bem;

– Pacientes do sexo feminino deverão manter afastados os grandes lábios na hora da coleta;

– Durante o período menstrual ou na presença de corrimento, usar tampão vaginal para evitar contaminação da amostra de urina;

– Colher o primeiro jato no frasco coletor fornecido pelo laboratório ou comprado na farmácia, caso a urina seja o 2º jato, o paciente irá desprezar o 1º jato no vaso sanitário e irá colher o 2º frasco coletor;

– Coletar os primeiros 10 a 20 ml de urina em frasco estéril. Tampe bem;

– Para urina colhida em casa, esta deverá ser entregue em até 2 horas após a coleta, se mantida em temperatura ambiente, ou em até 4 horas após a coleta se refrigerada entre 2º e 8º C;

– Não transportar a urina em locais ou superfícies que tenham contato com o sol.

Para melhor entendimento trouxemos as imagens abaixo:

COMO ENTENDER OS RESULTADOS DO EXAME DE URINA (EAS)?

Em casos em que o paciente não apresenta nenhum problema renal e urinário não deve haver a presença de glicose, nitrito, proteínas, hemácias e leucócitos na urina. Somente o médico será capaz de analisar o exame corretamente e diagnosticar algum problema caso o paciente tenha. Confira abaixo a tabela de referência de como deve estar a urina em pacientes saudáveis.

Parâmetros físico-químico
AspectoLímpido
CorAmarelo citrino
Ph5,0 a 7,5
Densidade1010 a 1025
ProteínaInferior a 0,10 g/L
GlicoseAusente
Corpos cetônicosAusente
Pigmentos biliaresAusente
UrobilinogênioInferior a 1,0 mg/dL
HemoglobinaAusente
NitritoNegativo
Pesquisa de elementos figurados
CélulasAusente
CristaisAusente
CilindrosAusente
LeucócitosInferior a 10.000/mL
HemáciasInferior a 10.000/mL