Exame de TGO (AST)

PARA QUE SERVE O EXAME DE TGO (AST)?

A TGO é uma enzima produzida em vários tecidos, como coração, músculos e no interior das células do fígado. Quando o fígado está com problemas esta enzima é derramada no sangue. Portanto, o exame de TGO serve principalmente para dosar essa enzima no sangue, com o objetivo de verificar se há algum problema no fígado. Normalmente esse exame é solicitado juntamente com o exame de TGP, pois ambas são enzimas produzidas no fígado e se elevam quando se tem algum problema nele, e nem sempre quando somente a TGO está alta indica problemas no fígado, podendo ser em outro órgão, já que a sua produção não é exclusiva no fígado. Por isso, a importância de ser feita a comparação entre TGO e TGP, para encontrar a causa do problema no fígado ou entender que resultados altos de TGO se dão por outro motivo, como dano cardíaco ou muscular.

QUAL O PREÇO E O PRAZO PARA A ENTREGA DOS RESULTADOS DO  EXAME DE TGO (AST)?

Os valores podem variar de um laboratório para o outro e a localidade, mas custam em média a partir de R$ 7,00 reais. O prazo para a entrega dos resultados também varia, mas normalmente são entregues em até 1 dia útil.

COMO É FEITO O EXAME DE TGO (AST)?

A amostra é obtida de uma maneira simples e rápida, sendo necessário realizar uma coleta de sangue de uma veia do braço do paciente. Em seguida a amostra será enviada para análise. 

É PRECISO ESTAR EM JEJUM PARA FAZER O EXAME DE TGO (AST)?

O jejum para o exame de TGO não é obrigatório, mas alguns laboratórios podem pedir um jejum de 4 horas para realizar o exame. Sendo assim, é importante buscar essa informação no laboratório em que será feito o exame quanto ao jejum.

É PRECISO ALGUM PREPARO PARA FAZER O EXAME DE TGO (AST)?

O exame de TGO precisa de preparo e as recomendações podem variar de um laboratório para o outro, normalmente o preparo é esse:

  • Informar no momento da coleta os medicamentos de que você faz uso, pois alguns remédios podem interferir no resultado do exame. Não é aconselhado ingerir bebida alcóolica ou fumar no dia anterior ao exame;
  • Recomenda-se evitar a prática de exercícios no dia anterior ao exame, pois eles podem elevar a dosagem de TGO;
  • Não pode ter feito eletroneuromiografia (exame neurológico) nos últimos 3 dias, nem biópsia muscular ou hepática nos últimos 5 dias;
  • Caso tenha feito o uso de medicamentos intramusculares, deve aguardar 7 dias para realizar o exame.

QUANDO É FEITO O EXAME DE TGO (AST)?

O exame de TGO pode ser solicitado pelo médico em pessoas que apresentam sintomas de problemas no fígado como, febre, pele e olhos amarelados, enjoo e vômitos, urina muito escura e fezes mais claras. Pessoas com hepatite, ou que fazem consumo excessivo de álcool, devem realizar esse exame regularmente. Além disso, pode ser feito como exame de rotina em pessoas aparentemente saudáveis ou que possuem histórico familiar de doença hepática, pessoas obesas que têm diabetes (resistência à insulina) entre outros. O exame de TGO também é feito na investigação de danos cardíacos (coração) e renais (rins).

QUAIS SÃO OS VALORES NORMAIS DE TGO (AST) NO SANGUE?

Os valores normais de TGO no sangue devem estar em 5 a 40 U/L. Resultados maiores que esses são considerados altos e precisam de acompanhamento médico, pois podem indicar problemas no fígado, quando a  TGP também se encontra elevada. Quando somente a TGO está alta, pode indicar problemas em outro órgão, como no coração, por exemplo. Normalmente, TGO e TGP acima de 150 U/L indicam doenças do fígado, necessitando de exames complementares para se definir quais são. Se os valores estiverem acima de 1000 U/L, o indicativo é para hepatites virais, isquêmicas ou por drogas (por exemplo, intoxicação de Tylenol). Vale destacar que é possível apresentar uma doença hepática crônica, e ter os níveis de transaminases normais. Isso é algo comum em pessoas com hepatite C ou B, por exemplo.

Os valores mostrados aqui são apenas um guia, pois podem mudar de um laboratório para o outro. Além disso, somente o médico irá avaliar os resultados corretamente, de acordo com cada paciente para confirmar um diagnóstico.