Exame de Prolactina

PARA QUE SERVE O EXAME DE PROLACTINA?

A prolactina é um hormônio produzido por uma glândula chamada hipófise, esse hormônio tem como principal função fazer com que as mamas produzam leite durante a gravidez, entretanto seu aumento no sangue pode provocar problemas à saúde, como infertilidade e disfunção erétil (incapacidade de o homem conseguir obter e manter uma ereção do pênis), tumores na hipófise, chamados de prolactinomas, por exemplo. Portanto, o exame de prolactina serve para medir a quantidade desse hormônio no sangue, para verificar se os níveis de prolactina estão mais elevados (ou, ocasionalmente,mais baixos) que o normal.

QUAL O PREÇO E O PRAZO PARA A ENTREGA DOS RESULTADOS DO EXAME DE PROLACTINA?

Os valores podem variar de um laboratório para o outro, mas custam em média a partir de 

R$ 20,00 reais. O prazo para a entrega também varia, mas normalmente são entregues a partir de 3 dias úteis.

COMO É FEITO O EXAME DE PROLACTINA?

O exame é feito através de uma amostra de sangue, sendo necessário realizar uma simples coleta de sangue de uma veia do braço do paciente. 

É PRECISO ESTAR EM JEJUM PARA FAZER O EXAME DE PROLACTINA?

Não é necessário estar em jejum para fazer o exame de prolactina.

O EXAME DE PROLACTINA PRECISA DE PREPARO?

O uso de biotina e suplementos alimentares que contenham biotina devem ser suspensos 3 dias antes da coleta. É importante informar a data da última menstruação e o uso de anticoncepcionais. Caso o médico tenha solicitado prolactina com repouso, o tempo ideal de repouso é de 30 minutos.

QUANDO É FEITO O EXAME DE PROLACTINA?

O exame de prolactina é solicitado pelo médico e feito junto com outros exames hormonais, quando a pessoa apresenta sinais e sintomas de prolactina alta, para investigar situações como:

  • Produção de leite nas mamas (galactorreia) em mulheres que não estão amamentando e em homens; 
  • Dores de cabeça e distúrbios visuais;
  • Parada da menstruação em mulheres que não estão  grávidas ou em menopausa;
  • Diminuição do libido; 
  • Diagnosticar infertilidade em homens e mulheres e disfunção erétil em homens;
  • Diagnosticar tumores na hipófise, chamados de prolactinomas;
  • Avaliar a saúde da hipófise e ajudar a diagnosticar possíveis doenças;
  • Monitorar o tratamento de tumores na hipófise (prolactinomas) e detectar a possível volta desse tumor;
  • Em grávidas é feito para avaliar se pode haver produção inadequada de leite;
  • Avaliar a produção inadequada de progesterona em homens, entre outros.

QUAL A QUANTIDADE NORMAL DE PROLACTINA NO SANGUE?

Os valores apresentados abaixo são apenas um guia, pois podem variar de um laboratório para o outro.

Mulheres em pré-menopausa: De 2,8 a 29,2 ng/mL;

Mulheres em prós-menopausa: De 1,8 a 20,3 ng/mL;

Homens: De 2,1 a 17,7 ng/mL.