Exame de SHBG (Globulina de Ligação de Hormônios Sexuais)

EXAME DE GLOBULINA DE LIGAÇÃO DE HORMÔNIOS SEXUAIS (SHBG) 

O exame de Globulina de ligação de hormônios sexuais (SHBG), serve para medir os níveis dessa proteína no sangue. A SHBG ajuda a controlar a quantidade de hormônios sexuais disponíveis para o corpo, mantendo em equilíbrio esses hormônios, como a testosterona e o estradiol. A variação dessa proteína no sangue pode afetar a concentração dos hormônios sexuais, causando problemas à saúde. A dosagem de SHBG normalmente é feita em conjunto com a dosagem de testosterona, sendo importante para avaliar um indivíduo com sinais e sintomas de uma doença/estado clínico relacionada à produção excessiva ou diminuição dos hormônios sexuais.

QUAL O PREÇO E O PRAZO PARA A ENTREGA DOS RESULTADOS DO EXAME DE GLOBULINA DE LIGAÇÃO DE HORMÔNIOS SEXUAIS (SHBG)?

Os valores podem variar de um laboratório para o outro, mas custam em média a partir de R$ 30,00 reais. O prazo para a entrega dos resultados também varia, mas normalmente são entregues a partir de 1 dia útil.

COMO É FEITO O EXAME DE GLOBULINA DE LIGAÇÃO DE HORMÔNIOS SEXUAIS (SHBG)?

A amostra é obtida de uma maneira simples e rápida, sendo necessário realizar uma coleta sanguínea de uma veia do braço do paciente. Em seguida a amostra será enviada para análise. 

É PRECISO ESTAR EM JEJUM PARA FAZER O EXAME DE GLOBULINA DE LIGAÇÃO DE HORMÔNIOS SEXUAIS (SHBG)?

Não é necessário, mas alguns laboratórios podem pedir.

É NECESSÁRIO ALGUM PREPARO PARA FAZER O EXAME DE GLOBULINA DE LIGAÇÃO DE HORMÔNIOS SEXUAIS (SHBG)?

Alguns laboratórios recomendam informar se faz uso de medicamentos, em especial os hormônios esteróides e o uso de biotina (vitamina b7) e suplementos alimentares que contenham biotina devem ser suspensos 3 dias antes da coleta.

QUANDO DEVE SER FEITO O EXAME DE GLOBULINA DE LIGAÇÃO DE HORMÔNIOS SEXUAIS (SHBG) DEVE SER FEITO? 

Normalmente esse exame é feito em conjunto com a dosagem de testosterona no sangue ou quando os resultados de testosterona aparecem alterados.

Nos homens, esses exames podem ser feitos para ajudar a determinar a causa de infertilidade,

dificuldade de ereção, diminuição do desejo sexual ou meninos que apresentam maturidade sexual precoce ou lenta. Já em mulheres, esses exames podem ser feitos em mulheres que apresentam traços masculinos em seu corpo, como engrossamento da voz ou pelos corporais em excesso (hirsutismo) ou que apresentam ausência da menstruação (amenorreia) ou suspeita que não pode engravidar (infertilidade).

QUAIS SÃO OS NÍVEIS NORMAIS DE GLOBULINA DE LIGAÇÃO DE HORMÔNIOS SEXUAIS (SHBG) NO SANGUE?

Os valores do niveis de concentrção de SHBG variam de acordo com a idade e sexo e podem ser observados abaixo. Os valores apresentados são apenas um guia, pois podem variar de um laboratório para o outro.

Valores de referência (nmol/L)

Infantil

FemininoMasculino
7 anos: 35 – 1778 anos: 21 – 2069 anos: 31 – 169 10 anos: 21 – 16311 anos: 13 – 24612 anos: 8 – 11713 anos: 18 –  9114 anos: 19 – 40615 anos: 19 – 36216 anos: 26 – 44917 anos: 47 – 1207 anos: 67 – 1888 anos: 37 – 2059 anos: 36 – 270  10 anos: 27 – 22211 anos: 12 – 259  12 anos: 22 – 153  13 anos: 20 – 185  14 anos: 12 – 152  15 anos: 8 – 87   16 anos: 17 – 77   17 anos: 19 – 42

Adultos

FemininoMasculino
até 49 anos: 32-128acima de 50 anos: 27-128até 49 anos: 18 – 54acima de 50 anos: 21 – 77
Gestantes
1º trimestre: 67 – 5332º trimestre: 253 – 6693º trimestre: 269 – 764

COMO ENTENDER OS RESULTADOS DO EXAME DE GLOBULINA LIGADORA DE HORMÔNIOS SEXUAIS?

Como descrito a cima a quantidade de SHBG no sangue é afetada pela idade e sexo do paciente, porém ela também pode ser alterada quando os hormônios masculinos e femininos aumentam ou diminuem ou por consequência de doenças/estados clínicos.

Quando a SHBG se encontra elevada, significa provavelmente que há uma quantidade menor de testosterona livre disponível nos tecidos para exercer sua função, do que o indicado no exame de testosterona total. Um nível baixo de SHBG significa que mais testosterona total está “biodisponível” – não ligada à SHBG.

Níveis aumentados de SHBG podem ser observados em, doença hepática, hipertireoidismo, gravidez, uso de estrógeno, diminuição da produção de hormônios sexuais (hipogonadismo), entre outros. Já a diminuição da SHBG é observada em obesidade, síndrome dos ovários policísticos, hipotiroidismo, hirsutismo, uso de andrógeno (esteróide), entre outros.

O QUE É GLOBULINA LIGADORA DE HORMÔNIOS SEXUAIS (SHBG)?

A globulina ligadora de hormônios sexuais (SHBG) é uma proteína produzida no fígado, que tem como função transportar os hormônios sexuais no sangue. Os hormônios ligam-se fortemente a essa proteína e quando ambos estão ligados, os hormônios não exercem sua função no corpo, somente os que estão livres. Portanto, a SHBG controla a quantidade de hormônios sexuais disponíveis para o corpo. Isso ajuda a manter os processos relacionados aos hormônios sexuais em equilíbrio, caso ocorra a diminuição dessa proteína no sangue, consequentemente ocorre o desequilíbrio dos hormônios sexuais no corpo.